Atenção, o seu browser está desactualizado.
Para ter uma boa experiência de navegação recomendamos que utilize uma versão actualizada do Chrome, Firefox, Safari, Opera ou Internet Explorer.

Curso pós-graduado 20 anos de Concessões e Parcerias Público-Privadas: que lições para o futuro?

SÉRVULO NA IMPRENSA 13 Jan 2020 in Transportes em Revista

O Instituto de Ciências Jurídico-Políticas (ICJP) da Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa promove o curso pós-graduado sobre Concessões e Parcerias Público Privadas (PPP), sob coordenação científica de Ana Gouveia Martins (professora da Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa) e Mark Kirkby (investigador do ICJP/FDL e SÉRVULO).

Patrocinada pela
SÉRVULO, a formação tem lugar entre fevereiro e maio de 2020. O conteúdo é repartido em três módulos pensados para proporcionar uma abordagem teórica e prática a advogados, juristas, gestores e decisores, tanto da esfera pública como privada, que lidam com concessões em áreas chave como as de infraestruturas, transportes e saúde.

Concebido num formato dinâmico e interativo, o curso inclui mesas redondas e estudos de caso, pondo em confronto perspetivas públicas e privadas do que foi a experiência em PPP em Portugal nas últimas duas décadas. No total, três módulos compõe o curso pós-graduado: “As diversas aplicações da técnica concessória” ; “A conceção e preparação das concessões em regime de PPP” ; e “Formação e regime substantivo dos contratos de concessão”.

Mark Kirkby, investigador, cocoordenador científico do curso e sócio da
SÉRVULO, enaltece a qualidade do conjunto de docentes e oradores desta pós-graduação, que integra uma parte relevante dos mais experientes técnicos e especialistas nacionais nas matérias abordadas.

“Num momento em que se perspetivam novos projetos públicos estruturados em PPP, justifica-se um balanço crítico sobre a experiência portuguesa de PPP das últimas duas décadas, para se tirarem lições para o futuro. Importa aproveitar o enorme potencial deste instrumento para a infraestruturação do país, sem repetir os erros que deram ‘má fama’ às anteriores gerações de parcerias”.

Para mais informações, consulte a página oficial do ICJP, aqui.

Encontre a notícia na íntegra em Transportes em Revista.

Áreas Relacionadas
Público
Advogados Relacionados
Mark Kirkby