Atenção, o seu browser está desactualizado.
Para ter uma boa experiência de navegação recomendamos que utilize uma versão actualizada do Chrome, Firefox, Safari, Opera ou Internet Explorer.
Serviço

Whistleblowing

Solutions
Driven by Knowledge.

Face à iminente entrada em vigor de legislação relativa à Proteção de Denunciantes (ou whistleblowers), é fulcral que as entidades públicas e privadas adotem sistemas robustos de compliance que permitam realizar os objetivos legais com eficácia e segurança, reduzindo também os riscos financeiros, reputacionais e de litigância.

Atualmente, a tendência para uma cultura de vigilância, mesmo nas empresas, assume um protagonismo inafastável. O direito da União Europeia, o direito nacional, a pressão pública e os princípios de boa governance exigem que os trabalhadores e outros stakeholders possam expressar internamente as suas preocupações sobre eventuais fraudes, irregularidades ou práticas ilícitas de que tenham conhecimento. Exige-se que as organizações criem canais formais e informais para essa comunicação, com segurança e confidencialidade, podendo até implicar a criação de estruturas apropriadas para a sua aplicação.

Face à iminente entrada em vigor de legislação relativa à Proteção de Denunciantes (ou whistleblowers), é fulcral que as entidades públicas e privadas adotem sistemas robustos de compliance que permitam realizar os objetivos legais com eficácia e segurança, reduzindo também os riscos financeiros, reputacionais e de litigância.

Embora as obrigações impostas em matéria de Whistleblowing sejam transversais a todos os setores, sendo já bem conhecidas em tudo o que se relaciona com a concorrência, levantam problemas específicos em áreas como as dos serviços financeiros e do branqueamento de capitais, contratação pública, segurança no transporte, géneros alimentícios, ambiente, saúde pública, defesa do consumidor, privacidade, criminalidade e outras violações relacionadas com o mercado interno europeu (como por exemplo concorrência, auxílios públicos ou fiscalidade societária).
As exigências deste novo quadro legal variam em função da dimensão das empresas e da natureza dos riscos a que se encontram sujeitas. Por isso, a SÉRVULO oferece uma abordagem integrada e, ao mesmo tempo, individualizada, para responder de forma eficaz às concretas exigências de cada Cliente e setor.

O trabalho desenvolvido inclui assessoria nas seguintes áreas de intervenção:

  • Estabelecimento de sistema e políticas internas de denúncia de irregularidades
  • Tratamento e acompanhamento de denúncias e investigações
  • Adaptação das políticas internas, designadamente de gestão de riscos e de compliance
  • Formação aos trabalhadores e elaboração de manuais de boas práticas

Para tal, o serviço Whistleblowing conta com uma equipa multidisciplinar e business-oriented, integrada pelas áreas de Europeu e Concorrência (Miguel Gorjão-Henriques e Alberto Saavedra), Contencioso e Compliance (Ana Brito Camacho e Inês de Sá), Laboral (Rita Canas da Silva), Privacidade e Proteção de Dados (Ana Rita Paínho), Público (Paula Bordalo Faustino), Financeiro & Governance (Inês Palma Ramalho). A equipa é constituída por profissionais com amplo conhecimento e vasta experiência, vocacionados para acompanhar os clientes na definição de estratégias adequadas ao cumprimento das novas obrigações legais.